Sónia Viegas

Sónia Viegas

Acredita que cada indivíduo merece viver uma vida mais harmoniosa, plena, desperta e feliz. É por isso que se dedica desde 2009 à transformação de pessoas que assim querem viver. Trata-se, segundo afirma, de viver uma vida com total significado! Facilitar o conjugar dos inúmeros papéis que a vida nos propõe nos palcos da vida pessoal, a dois, nas vidas familiar e profissional, a par da vivência de relacionamentos de qualidade é, tantas vezes, “O” grande desafio. É literalmente o que a move a ama fazer!

RELAÇÕES PANDÉMICAS

Em casa… as mesmas paredes 24 horas sob 24 horas, sem grandes oportunidades de argumentar saídas de uma vivência já há muito difícil…

Os contornos da vida a dois adensam-se e os escapes são agora a fuga entre divisões, o teletrabalho e os gadgets que servem de escudo ao contato direto: o telemóvel, a televisão, o computador e outros do género.

O discurso, quando existe, é tenso e as cobranças, essas, vêm de parte a parte… porque eu faço tudo…, eu estou sempre disponível…, eu proponho soluções…, eu invisto a dois…, mas tu…

Não falo sequer da violência doméstica, em que simplesmente já não há diálogo, há “força” que se impõe ao outro desmedidamente, tornando as vítimas ainda mais vítimas, agora que nem sequer podem daquele perímetro e contexto sair.

Medo, culpa, vergonha, desanimo, depressão, frustração, desilusão e tantas outras emoções que retiram o poder pessoal e se juntam, depois, a um rol de pensamentos contrativos, limitantes que, conjuntamente, regam e nutrem o terreno onde não há espaço para uma nova realidade a dois.

“Eu dou tudo” vs “ele(a) impõe tudo”;

“Eu faço tudo” vs “ele(a) não me deixa ser eu”;

E por aí fora…

E quando existem, os espetadores menores assistem e absorvem tudo, absolutamente tudo (o verbal e o não verbal, sobretudo este, que marca principalmente a um nível inconsciente), porque têm em si a capacidade de ler a realidade na sua máxima abrangência, sem filtros. E estes menores, que por um amor maior que quer unir quem lhes deu a vida, acorrem em serviço aos dois lados da trincheira, partidarizando-se e apoiando à vez o que mais vitimizado se lhes apresenta, tomando em muitas situações para si o que não é seu, carregando fardos que não lhes pertencem… pelo amor que deixou de ver a seus pais.

Por estes dias, as “Relações Pandémicas” adensam-se e proliferam… na verdade revelam-se os “novos casos” que já existiam, latentes, no seio de muitas relações.

Uma amiga pessoal dizia-se há dias, estar absolutamente FARTA de tudo isto que hoje vivemos, desta realidade confinada pelo COVID19. Dizia-se ela particularmente FARTA do slogan “vamos todos ficar bem”!

Nestas relações o mal-estar cresce e toma todo o espaço, o pouco espaço disponível… e quando ainda reversível, só no encontro a dois está a solução!

Eu ajudo-te!… Queres?

Envia email para coach@actionbest.pt e terei todo o gosto em falar contigo numa sessão exploratória.

Partilhe

Explorar mais

ACREDITO… ou não em Mim?

Hoje trago-te este tema sensível que em grande medida nos baliza, nos condiciona e mantém cativos nas nossas pequenas redomas de vidro, quando não ousamos confrontar e transcender o que nos tolhe.

Partilhe

O Teu PROPÓSITO

Nesta tua jornada, já te respondeste sobre esta grande questão: O que fazes aqui? Talvez nunca te tenhas colocado esta questão; talvez

Partilhe

REGRESSO ÀS ROTINAS EM EQUILIBRIO E HARMONIA

Eis-nos face a um novo começo: fim de férias, retorno ao trabalho, reinício escolar e de outras atividades dos filhos (quem os tiver) e o retorno a inúmeras rotinas que, de o serem e nos catapultarem para o que habitualmente acontece nos nossos dias, nos deixam cansados só de pensar nelas.

Partilhe